Homem abre as portas de sua loja para que gatos de rua possam se proteger do frio

Apesar de ter perdido alguns clientes, o homem não desistiu de ajudar os gatos e recebeu auxílio de outras pessoas para manter os animais alimentados e quentinhos

por Andrezza Oestreicher — publicado 19 jan 2017 - 0:32

No começo deste ano grande parte da Europa foi tomada por um frio invernal mortal. Porém, enquanto o clima estava extremamente frio, o calor da bondade humana vinha para ajudar os que estavam precisando.

Desde que o forte frio começou, uma loja na Turquia abriu suas portas para que gatinhos pudessem se proteger do frio e se manterem quentinhos.

Homem permitiu que gatos de rua ficassem dentro de sua loja se protegendo contra o frio. (Foto: Reprodução / Selçuk Bayal)

Selçuk Bayal, que administra a pequena loja que funciona como papelaria e cafeteria, muitas vezes doa seu tempo para ajudar os animais desabrigados que vivem nas proximidades. Mas com os perigos que o forte frio estava trazendo, o homem quis ajudar mais.

alguns clientes não gostaram de ver os animais na loja, mas o proprietário pendurou uma placa que dizia: “Aqueles que se sentem incomodados com gatos, não fazem compras aqui!”. (Foto: Reprodução / Selçuk Bayal)

Então, ele transformou a sua loja em um refúgio temporário para quase uma dúzia de gatos de rua. “Somos humanos, e essas criaturas nos são confiadas por Deus. Somos responsáveis ​​por cuidar deles”, disse Selçuk Bayal ao site The Dodo.

O lindo gesto do homem para com os gatos lhe rendeu elogios dos amantes dos animais. Porém, infelizmente, nem todos os frequentadores de sua loja ficaram satisfeitos com a presença dos gatos.

O homem recebeu ajuda de algumas pessoas para manter os gatos alimentados e quentinhos. (Foto: Reprodução / Selçuk Bayal)

Mas, Selçuk Bayal não se abalou com as críticas e nem pensou em parar de ajudar os gatinhos. Muito pelo contrário. O homem colocou uma placa na janela da loja dizendo: “Aqueles que se sentem incomodados com gatos, não fazem compras aqui!”.

O dono da loja disse que as portas de seu estabelecimento estarão sempre abertas para todos aqueles que precisarem. (Foto: Reprodução / Selçuk Bayal)

Apesar de ter perdido alguns clientes, o homem recebeu ajuda para manter os gatos quentinhos e alimentados durante o forte inverno. “Eles são gratos por qualquer tipo de ajuda. Os olhares dos gatos nos dizem que eles estão gratos. Nossas portas estão abertas a todas as criaturas vivas – gatos famintos, cães e até pessoas, não importa”, finalizou Selçuk Bayal.

 

Fonte: The Dodo

deixe seu comentário: